12 janeiro, 2017

Resenha: The Fosters

Oii meus amores, tudo bem com vocês?
Esses dias eu estava conversando com uma amiga e ela me recomendou a serie The Fosters, e confesso que pelo nome eu não levei a serio e nem cogitei em assistir, mas depois de terminar uma maratona (de outra serie) resolvi dar uma chance. Apaixonei.
"A serie narra a historia de uma família formada por duas mães. Stef, uma policial que foi casada com o seu colega de trabalho Mike e com quem teve um filho, Brandon. Agora divorciada, ela vive com lena, uma vice-diretora de uma escola. Juntas, elas resolvem criar filhos adotivos, além de Brandon. São eles Jesus e Mariana, irmãos gêmeos que foram abandonados pela mãe. Até que Lena esbarra em Callie, uma adolescente problemática, e ela resolve acolher a menina. Callie provoca problemas de relacionamentos, e só se preocupa em resgatar o seu irmão de sangue de 13 anos, Jude, que também vive em um lar adotivo e sofre maus tratos."
Não posso dizer que o tema abordado na serie não é polemico, pois eu sei que é.
O mais legal da serie é que ela aborda o preconceito e intolerância mostrando uma família grande e "diferente", mostra também o dia a dia de adolescentes normais porem ao mesmo tempo problemáticos após vários acontecimentos.
The Fosters nunca fica parada em único lugar, a cada episodio algo acontece e te deixa cada vez mais presa nela. A serie tem duas temporadas disponíveis na Netflix e, sim, eu assisti as duas temporadas em mais ou menos duas semanas.
Quem gosta de series que mostram a realidade vai amar essa que eu to indicando.
Cada episodio da serie tem 42 minutos de duração e sem contar que o Brandon (David Lambert) e o Jeses (Jake T. Austin) são uns gatos, haha.
Quem já assistiu ou já ouviu falar sobre a serie?
Espero que tenham gostado, beijos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário